Triumph divulga preços e versões da Tiger 900

Nesta terça-feira (16), a Triumph divulgou as versões da Tiger 900 que serão apresentadas na quarta-feira (17), assim como os respectivos valores. E se o consumidor brasileiro imaginou que a fabricante traria as cinco versões apresentadas no exterior, não é isso que acontece, pelo menos neste momento.

Motor de 3 cilindros da aventureira sobe para 900 cc de cilindrada e atinge 95,2 cavalos de potência. Brasil é o país que mais vende Tiger 800 na atualidade.

Em vez disso, a fabricante opta por trazer as duas versões mais completas da novidade, a GT Pro e a Rally Pro. Ambas são equipadas com o três cilindros de 888 cm³ de cilindrada, que entrega 95 cv de potência máxima a 8.750 giros e torque máximo de 8,87 kgf.m a 7.250 giros.

A partir da próxima quinta-feira (18), as duas versões estarão disponíveis nas concessionárias da marca em preço promocional: a GT Pro tem preço sugerido de R$ 57.990, enquanto a Rally Pro chega por R$ 59.990. São aproximadamente 70 unidades nesse lote promocional, segundo a fabricante. A partir do dia 1º de julho, ainda de acordo com a marca, os valores serão reajustados.

As versões GT Pro e Rally Pro, por serem as mais completas, trazem obviamente uma série de recursos. A começar por uma nova IMU (unidade inercial), que permite a inclusão de ABS e controle de tração atuantes em curvas, ambos itens de série nas duas versões.

Os itens de série incluem ainda quickshifter bidirecional, iluminação full LED, pinças de freio dianteiro Brembo Stylema e painel TFT compatível com o sistema de conectividade da marca e que permite o pareamento até com as câmeras de ação da GoPro, entre outros recursos. 

As rodas da versão GT Pro, versão mais voltada para o asfalto, são de alumínio, com aro 19 na dianteira e 17 na traseira. Já na Rally Pro, as rodas são raiadas e na dianteira passa a ser aro 21, enquanto na traseira o aro 17 é mantido. 

Triumph Tiger 900 Rally Pro — Foto: Divulgação

O conjunto de suspensão também é diferente nas duas versões: enquanto a GT Pro conta com equipamentos da Marzocchi, com ajuste eletrônico na traseira, a Rally Pro conta com componentes da Showa que também são ajustáveis, mas de modo manual.

Painel da nova Triumph Tiger 900 Rally Pro — Foto: Divulgação

“Estamos muito animados com esse lançamento, que vinha sendo um dos mais aguardados dos últimos tempos, sobretudo no mercado nacional. O Brasil é o maior consumidor da Linha Tiger 800 no mundo, entre todas as nossas subsidiárias”, disse Renato Fabrini, General Manager da Triumph no País.

Veja as principais novidades da Tiger 900

  • Motor maior, de 888 cc, no lugar do de 800 cc;
  • Rendimento 9% mais forte em médios giros;
  • Torque de 8,87 kgfm, 10% a mais;
  • Novo chassi modular, 5 kg mais leve;
  • Tanque de 20 litros;
  • Painel com tela de 7 polegadas (nas versões GT, GT Pro, Rally e Rally Pro);
  • 6 modos de condução
  • Novo ABS e controle de tração, ambos com atuação em curvas (nas versões GT, GT Pro, Rally e Rally Pro).

Motor de 3 cilindros cresceu

novo motor de 3 cilindros da aventureira sobe para 900 cc de cilindrada e atinge 95,2 cavalos de potência.

Comparada com a atual Tiger 800 vendida no Brasil, que alcança 95 cavalos, o pico de potência se manteve praticamente o mesmo, mas a montadora afirma que a moto está 9% mais forte nas faixas médias de giro do motor.

No caso do torque, o desempenho máximo passou de 8.05 kgfm para 8,87 kgfm, o que representa um aumento de 10%.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *